Sofre de Obstipação? Saiba o que a massagem pode fazer por si!

noticia obstipacaoA obstipação – também conhecida como “prisão de ventre”, é uma perturbação intestinal causada geralmente por maus hábitos alimentares, falta de exercício físico e/ou alterações emocionais.

 

Normalmente os sintomas manifestam-se através da dificuldade na eliminação de fezes ou na dejeção pouco frequente. Além do desconforto causado, a obstipação conduz a uma maior retenção de gases, com distensão e, no limite, dor abdominal.

As causas podem ser várias:

  • Ingestão inadequada de líquidos e fibras
  • Estilo de vida sedentário
  • Alterações ambientais
  • Toma excessiva de determinado tipo de medicamentos
  • Uso indiscriminado de laxantes
  • Alterações de ordem patológica como lesões do tubo digestivo, lesões orgânicas inflamatórias, alterações do sistema nervoso central, etc.

 

Para evitar este desconforto que, no limite, pode levar uma consequência patológica, poderá adotar desde já um conjunto de hábitos ao seu alcance:

  • Fazer uma dieta rica em fibras (legumes, verduras, alguns tipos de fruta, pão integral, etc.)
  • Beber água (6 a 8 copos por dia)
  • Praticar exercício físico regularmente
  • Criar uma rotina para ir à casa de banho (escolha um momento do seu dia que lhe seja mais favorável e tente respeitar esse horário diariamente para “educar” o seu intestino).
  • Faça massagem regularmente!

 

Recorrer a um terapeuta para fazer uma massagem abdominal pode ajudar em muito a aliviar toda a sintomatologia respeitante a esta alteração do seu aparelho digestivo.

A massagem abdominal estimula os movimentos peristálticos das vísceras do tubo digestivo, facilitando o trânsito fecal.

Para além de atuar ao nível da peristalse (movimentos involuntários durante o processo digestivo para deslocar o bolo alimentar e o quimo), esta massagem ativa igualmente toda a circulação sanguínea e linfática da zona em causa. Por outro lado, ao massajar a pele produzimos estimulações nervosas que chegam ao cérebro e causam a redução do cortisol (hormona da supra-renal) e um aumento da seratonina, proporcionando assim uma redução do tónus muscular e consequentemente o aumento do estado de relaxamento e bem estar. Desta forma, verifica-se uma redução ao nível da ansiedade e stress, fatores que influenciam igualmente o aparecimento da obstipação.

 

Experimente!

Scroll to Top