O nosso amigo e…Protetor… Solar

img03No dia 11 de Maio comemora-se o Dia Europeu do Melanoma. Este dia tem como principal objetivo alertar a população para os perigos da exposição solar excessiva e os malefícios que esta pode originar na pele.

O melanoma é um tipo de cancro de pele, considerado dos mais graves. Tem origem nos melanócitos – células responsáveis pela produção de melanina. A sua incidência tem vindo a aumentar significativamente na população e por isso se torna cada vez mais importante atuar ao nível da prevenção.

 

Fatores de risco

O aparecimento de melanoma está associado a alguns fatores de risco, sendo a exposição à radiação ultravioleta o principal deles. 

 

A radiação ultravioleta

Os raios ultravioleta (UV) são emitidos pelo sol e são prejudiciais à pele. Existem três tipos de radiação ultravioleta:

 

Radiação UVC – Tipo de radiação que praticamente não atinge a superfície terrestre.

Radiação UVB – A radiação UVB penetra na pele. Este tipo de radiação é responsável pelo bronzeamento, mas também pelas queimaduras solares superficiais e sinais de envelhecimento da pele. A exposição não protegida aumenta o risco de melanoma.

Radiação UVA – Este tipo de radiação penetra profundamente na pele causando danos graves. A exposição aumenta o risco de melanoma.

 

Prevenção

Os cuidados com a exposição solar são frequentemente negligenciados pela população. No entanto, ter cuidados de proteção diários é a principal forma de prevenção do melanoma.

É importante compreender que os cuidados de proteção da exposição solar não são necessários apenas na praia ou piscina. Todos os dias estamos expostos a radiação ultravioleta e, por isso, a proteção deve ser diária. Mesmo no inverno ou em dias nublados os níveis de radiação ultravioleta são prejudiciais, por isso, as medidas de proteção têm de estar presentes todo o ano.

 

Aplicação do protetor solar no dia a dia

Aplique protetor solar todos os dias, nas zonas expostas ao sol (cara, peito, pernas e braços). A roupa não protege totalmente a pele dos raios solares, uma parte da radiação continua a ser absorvida pela pele. Por isso, recomenda-se que, em dias em que os níveis de radiação são mais elevados, utilize protetor solar mesmo nas zonas cobertas pela roupa.

 

Renovação do protetor solar

O protetor solar deve ser colocado antes de sair de casa e não no momento em que se expõe ao sol. A aplicação deve ser renovada frequentemente e sempre que for à água ou praticar atividades que envolvam transpiração, já que estas contribuem para a remoção do protetor solar.

 

Validade do protetor solar

Na embalagem do protetor solar consta a indicação do seu prazo de validade. Pode encontrar a designação 6M ou 12M, que significa que têm um prazo de durabilidade de 6 ou 12 meses, respetivamente, após a abertura. Não é aconselhável utilizar um protetor solar de um ano para o outro. Se o fizer verifique sempre a textura do creme, esta deve ser homogénea, caso contrário deve rejeitar o produto.

 

Transporte do protetor solar

O protetor solar deve ser protegido do calor. As temperaturas elevadas podem danificar as propriedades do creme, tornando-o menos eficaz. Por isso, recomendamos que o transporte numa mala térmica e que o mantenha na sombra.

 

Colocar protetor solar mesmo na sombra ou na água

Uma questão muito importante a esclarecer é que a sombra não nos protege da radiação ultravioleta. Quando está em zonas de sombra também é necessária a aplicação de protetor solar. Na água acontece exatamente a mesma coisa, a água permite a passagem da radiação ultravioleta e, devido ao seu efeito de reflexão dos raios, a exposição até pode ser superior. Por isso, utilize protetor solar resistente à água.

 

Relógio solar

Evite a exposição solar entre as 11 horas e as 17 horas. Neste período a intensidade da radiação ultravioleta é maior. 

 

Protecção nas atividades ao ar livre

Na praia ou em atividades ao ar livre utilize sempre óculos de sol, chapéu e t-shirt, preferencialmente de algodão. 

 

Solários

Evite a utilização de sistemas de bronzeamento que utilizem radiação ultravioleta.

 

Eis alguns conselhos que nos podem ajudar a prevenir a doença e a usufruir em pleno do melhor que a natureza tem para nos dar!

Scroll to Top